top of page

Desapego

Mensagem recebida no Rito de Louvação ao Orixá Ogum do dia 10/05/22


Possivelmente você já ouviu alguém questionando:

“Depois que se morre, o que se leva dessa vida?”

Essa é, de fato, uma importante pergunta.


Tudo aquilo que você não for levar, é preciso desapegar.

Algo que pode ajudar é saber que isso nunca verdadeiramente pertenceu a você.


Qualquer posse material é uma ilusão e, muitas vezes, uma distração.

Afinal, quanto mais coisas você tem, mais preocupação e geralmente mais receio de perder essas coisas.


E, sim, não se perde o que nunca se teve.

Tanto a posse quanto a perda são ilusões.


Que as metas de vida não sejam conquistas materiais.


Você pode ter uma vida confortável, mas recomendamos cuidado com os excessos pois os excessos costumam ser prisões.


Trabalhem o desapego.


Fica o convite também para desapegarem de relações que não estejam alinhadas com seus princípios e valores.

Renuncie a relações que não propiciam uma equilibrada troca entre dar e receber, que não proporcionem uma via de mão dupla.


Seu tempo e energia são finitos.

Escolha bem como e com quem você vai utilizá-los.


Há relações que alimentam o ego, mas esvaziam o Ser.

Há relações que sugam ao invés de nutrir.

Há relações doentias e desconfortáveis, mas que acabam sendo criadas e mantidas por algum tipo de dependência.


Desapegue!

Você perceberá que alguns pesos vão dar lugar a leveza e abertura.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O Valor da Vida – uma mensagem de esperança e superação

Mensagem recebida no rito de Louvação ao Orixá Ogum do dia 04/06/24 A dimensão do tempo é sentida de maneiras distintas em diferentes instâncias espirituais. Seja para os encarnados, desencarnados nas

Centelha divina

Mensagem recebida no rito de Louvação ao Orixá Ogum do dia 05/03/24 A paz mundial começa no coração de cada um. Para um mundo em harmonia, busque a harmonia dentro de você. Para um mundo em equilíbrio

Boas vindas

Mensagem recebida no rito de Louvação ao Orixá Ogum do dia 20/02/24 Louvado seja Jesus! Boas vindas a todos que retomam hoje ao terreiro para servir, para receber, para agradecer, para se conectarem c

Comments


bottom of page